Curso Sistemas de Gestão de Banco de Dados Geocientíficos

Serão transmitidas as características essenciais do Sistemas de Gerenciamento de Banco de Dados (SGBD) e sua importância, objetivando mostrar as formas corretas de como os profissionais devem tratar um Banco de Dados geológico-mineiro.

Detalhes do curso

Serão transmitidas as características essenciais do Sistemas de Gerenciamento de Banco de Dados (SGBD) e sua importância, objetivando mostrar as formas corretas de como os profissionais devem tratar um BD geológico-mineiro e enfatizando os modelagem dos dados, formas e critérios para validação e possibilidades de consultas e atualizações.

O aluno aprenderá sobre banco de dados geocientíficos aplicado à Mineração.

A metodologia utilizada será explanação da teoria com exercícios práticos.

Na cadeia de trabalhos de Recursos e Reservas, o banco de dados estruturado é a base das informações que, após analisadas, serão reportadas às bolsas de valores. Um bom banco de dados é um ativo importante para mineração, se não, o mais importante para as organizações.

As informações geológicas são a base para construção de modelos que representam a geometria, volume e qualidade (física, química e tecnológica) dos minérios que alimentam as plantas de beneficiamento.

No contexto do ciclo PDCA, a primeira abordagem para estabilização de processos, gerenciamento de custos e tomada de decisões estratégicas assertivas deve ser sobre o banco de dados geológicos, visto que este é a base para as demais etapas do empreendimento mineiro.

Metodologia

As aulas serão 40% práticas, sendo necessário o uso de um laptop pessoal, o aluno receberá exercícios práticos focados para casos específicos e projetos para a construção e avaliação de um banco de dados geocientífico. O curso dará condições aos participantes de criar um banco de dados e avalia-los. Serão apresentados e debatidos também casos práticos exemplificando todo o conteúdo proposto.

Benefícios

• Conhecimento em teoria de banco de dados estruturado,

• Contato com banco de dados para mineração,

• Entendimento do valor do banco de dados geocientíficos.

• Aprender técnicas de organização dos dados, formas de recuperação, validação, controles de segurança e de acesso, consistência e integridade.

• Tornar-se apto a auditar internamento o banco de dados,

• Tornar-se apto a receber uma auditoria de banco de dados no projeto.

Público Alvo

Este curso foi desenvolvido tendo em mente três grupos principais.

• Gestores - Aqueles que devem conhecer as informações que existem disponíveis sobre o negócio e qualidade dos dados com os quais eles tomam informações.

• Geólogos, engenheiros de minas e químicos - Aqueles que trabalham diretamente com a pesquisa e produção mineral, suas ferramentas e melhores práticas, gerenciamento de projetos em FEL 1, 2 e 3, e planejamento e controle de lavra.

• Técnicos de banco de dados e de laboratórios químicos e de preparação física - Aqueles que trabalham direto com os dados gerados nos projetos e com os resultados de ensaios químicos e físicos de amostras.

Conteúdo Programático

  • • Todos geram informações?
  • • Informações são geradas com finalidade.
  • • A informação que você gera não te pertence!
  • • O que você faz? O que você gera? O que você produz?
  • • A importância da informação;
  • • Controles;
  • • Validações;
  • • Ações;
  • • Classificação de qualidade;
  • • Rastreabilidade;
  • • O que é importante armazenar;
  • • O que é básico para Avaliação de Recursos;
  • • O que é básico para Controle de Mina;
  • • O que é básico para controle de Planta;
  • • O Vilão: Criar informação sem aplicação.

Professoras

Graduada pela Universidade de São Paulo e tem 15 anos de atividade na indústria mineral, com especialização em implementação e gerenciamento de banco de dados geológicos, vasto conhecimento em mapeamento de processos e sólida experiência nas áreas de direito minerário e controle de áreas de interesse, e treinamento de equipes. 
Além disso, Fernanda auxiliou as equipes de desenvolvimento do gerenciador de banco de dados da Datamine (GDMS Fusion), sendo ponte cliente-desenvolvedor e tester. Realizou treinamentos de modelagem geológica para pequenas e grandes equipes, e usuários e administradores de banco de dados geológicos.
Fernanda Nishiyama é registrada no CREA e também é capacitada no GIM Suite ACQ 1000, da acQuire Solutions, e GeoExplo, da LeapMind-Coffey-Tetra Tech. Atualmente, Fernanda cursa pós-graduação latu sensu em Gerenciamento de Projetos no IEC-PUC Minas.

 

  • Chattered Profession of Geology, membro do Australian Institute of Geoscientists AIG. Bacharel em Geologia (USP), é especialista em Amostragem, QA/QC e Avaliação de Recursos. Participou como CP/ QP e implementação de programas de QA/QC (Quality Assurance and Quality Control) em projetos de grandes players nacionais. Vasta experiência também em modelamento geológico e Geometalurgia.

Investimento

1º Lote (Até 06/02/2019)

R$ 1.790,00

a vista no boleto ou em até 10x de R$ 195,00

2º Lote (Até 13/02/2019)

R$ 2.100,00

a vista no boleto ou em até 10x de R$ 225,00

Com a palavra, nossos clientes

Instituto Minere vem se destacando como importante formador de mão-de-obra especializada em mineração, preenchendo uma lacuna deixada pelas universidades na formação técnica tão preciosa às mineradoras.

Mario Trota

Geólogo Consultor em Exploração Mineral

As mídias do IM compartilham conteúdos muito interessantes e que agregam alto valor ao nosso conhecimento. A política de desconto a ex-alunos e a acessibilidade aos responsáveis complementam os benefícios. Parabéns!

Diego de Arvelos Nicolau

Engenheiro Geólogo - KINROSS

Excelentes conteúdos e ótimas dicas para nós profissionais...

Natalia Moura

CEFET SF

O IM nos concede uma ótima oportunidade de estarmos atualizados e sermos profissionais cada vez mais preparados para enfrentar os desafios do mundo moderno. Parabéns ao IM por trabalhar em prol do desenvolvimento da atividade mineradora!

Leonardo Souza

Consultor - CLGeo Soluções em Geologia e Mineração

© Instituto Minere

by nerit