Curso Monitoramento e Inspeção de Barragens

Uma perspectiva geotécnica sobre o uso de tecnologias de ponta para um melhor desempenho nas atividades de inspeção, monitoramento e estabilidade de estruturas geotécnicas.

Detalhes do curso

O gerenciamento de risco adequado das estruturas geotécnicas e barragens torna-se crítico à medida em que seu tamanho e sua complexidade aumentam. A frequência considerável de acidentes geotécnicos tem levado empresas e governos a buscar por novos métodos inteligentes de monitoramento, aliado ao uso de novas tecnologias disruptivas, e investir no desenvolvimento científico e qualificação de profissionais para responder com assertividade às necessidades técnicas e principalmente, de segurança das estruturas.

O Curso Monitoramento e Inspeção de Barragens compartilha com os alunos uma visão abrangente da instrumentação e monitoramento geotécnico, desde princípios fundamentais da mecânica dos solos até aplicações de instrumentação e monitoramento atuais e emergentes, sistemas de coleta, gerenciamento de dados e gestão do planejamento. Mostra como usar a tecnologia de forma integrada, sobretudo, com a compreensão geotécnica para preventivamente, identificar e responder apropriadamente à processos de instabilidade.

O conteúdo didático é organizado de forma sistêmica, percorrendo passo a passo desde os conceitos relacionados à Mecânica dos Solos, Análise das Tecnologias de Monitoramento disponíveis no mercado, métodos para Criação de um Sistema de Alerta seguro e os cuidados no uso dos dados adquiridos.

Tudo isto, é claro, em sintonia com as principais políticas de Segurança de Barragens e da Agência Nacional de Mineração, ANM.

Metodologia

AULA PRÁTICA E VISITA TÉCNICA NA MINA DE ÁGUAS CLARAS - VALE

Nos 2 primeiros dias de aula, os alunos terão acesso às aulas expositivas e palestras pontuais com profissionais e empresas de ponta, referência no setor, compartilhando e debatendo os melhores métodos, técnicas, projetos, ferramentas e tecnologia aplicada na instrumentação de barragens.

No terceiro dia de curso, será hora da prática, com uma visita nas estruturas da Vale, em Nova Lima. Realizaremos uma visita técnica no Centro de Monitoramento Geotécnico (CMG) e uma prática de campo com demonstração de uma inspeção de barragens, ambos na Mina de Águas Claras (MAC).

O aluno recebe o acesso ao material didático, material suplementar como artigos, vídeos e matérias antes do encontro presencial para se preparar para os debates. Além disto, é criado um canal virtual para tirar dúvidas com os professores antes e após a realização do curso – por mais uma semana.

Desenvolva

• Conhecimento analisar situações de risco de colapso e tomar decisões que garantam a segurança das pessoas mas sem precipitação;
• Visão crítica sobre projetos de instrumentação e monitoramento geotécnico;
• Conhecer os principais tipos e aplicações de instrumentação e monitoramento atuais e emergentes, sistemas de coleta, gerenciamento de dados e gestão do planejamento;
• Aplicação de tecnologia de forma integrada com a compreensão geotécnica de projetos ou na readequação destes;
• Networking entre alunos, professores e consultores do setor;

Público Alvo

Esta capacitação se destina a 5 grupos principais de profissionais:

• Colaboradores de empresas que são os responsáveis pelas estruturas, gestores e também quem atua na operação;
• Agentes das organizações públicas ou civis responsáveis por licenciamento ou fiscalização de obras;
• Colaboradores de empresas que fornecem tecnologia de instrumentação e monitoramento geotécnicos;
• Consultores e todos os envolvidos na concepção, planejamento, gestão e análise da informação de sistemas de instrumentação e monitoramento;
• Comunidade acadêmica e estudantes de pós-graduação;

Conteúdo Programático

  • Objetivos da geotecnia;
  •  Problemas e desafios;
  •  O que é talude;
  •  Fator de Segurança;
  •  Fatores que causam instabilidade;
  •  Modos de falha (em barragens e minas a céu aberto);
  •  Condição de água;
  •  O estado da arte de monitoramento de taludes com o uso de novas tecnologias;
  •  Objetivo do monitoramento;
  •  Por que monitorar?
  •  Por que monitoramento automático?
  •  Plano de monitoramento;
  •  Radar de Estabilidade de Talude;
  •  Estação Total Robotizada;
  •  GNSS - Global Navigation Satellite System;
  •  Piezômetros e Medidores de Nível d’Água; 
  •  Inclinômetros;
  •  Time Domain Reflectometry (TDR);
  •  Fibra Óptica;
  •  Microssísmica;
  •  Laser Scanner;
  •  Monitoramento por satélite – InSAR;
  •  Inspeção visual e Registro das Ocorrências;
  •  Inspeções Realizadas com Drone;
  •  Comparativo – métodos de monitoramento

Professores

Engenheiro de Minas (UFMG) mestre em Engenharia Civil e Gerenciamento pela universidade de Glasgow na Escócia, com especialização em Geotecnia e Gerenciamento de Projetos. Possui experiência em desenvolvimento de projetos de barragens de rejeitos, pilhas de estéril e de taludes. Desenvolveu avaliações de situação de estruturas geotécnicas, avaliação de piping e liquefação. Implementação de sistemas de instrumentação e monitoramento e aplicação de metodologias alternativas para avaliação de estruturas críticas. 

Consultor e Líder Técnico em Geotecnologias Aplicadas, graduação em geologia e mestrado em Engenharia Ambiental e Urbana, com ênfase em geotecnia, com experiência em vários projetos de geotecnologias e geotecnia de mina, doutorando em Geologia, na linha de pesquisa de geofísica aplicada, desenvolvendo trabalho sobre monitoramento microssísmico de barragem de rejeito e cava de mina.

Cofundador da LeapMind Tecnologia e Ciência Aplicada, Líder Técnico de Geotecnologias da Tetra Tech Brasil e membro do Centro de Pesquisa em Geofísica Aplicada - CPGA, venho atuando principalmente em projetos de geofísica aplicada e monitoramento microssísmico de estruturas geotécnicas e desenvolvimento de soluções baseadas em sistemas de informações geográficas para recursos naturais.
 

Geólogo formado pela Universidade Federal de Ouro Preto em 2003. Possui mais de 15 anos de experiência trabalhando com o geotécnico focado no mercado de mineração e hidroenergia. Atuou em empresas de consultoria em projetos de cavas, barragens de rejeito e pilhas de estéril em diversas fases de projetos. Possui também grande experiência em empresas de mineração de grande porte, tanto em cavas de céu aberto quanto em minas subterrâneas. Trabalhando no design de novos projetos, monitoramento das estruturas geotécnicas, dimensionamento e controle de qualidade dos sistemas de suporte.  Atualmente trabalha na GroundProbe Brasil como Engenheiro Geotécnico para prover treinamento, suporte e consultoria aos clientes. 

  • Tema: Implantação de Sistema de Monitoramento Geotécnico em Tempo Real

Mestre em Ciências em Engenharia Geotécnica (Universidade Federal de Viçosa - UFV) e Graduado em Engenharia Geológica (Universidade Federal de Ouro Preto - UFOP) com mais de 10 anos de experiência em mineração em poço aberto, incluindo hidrogeológico (modelagem, monitoramento, testes de bombeamento, lesma testes) e serviços geotécnicos (mapeamento geotécnico e estrutural da geologia, investigações geotécnicas, extração geológica e geotécnica, interpretação geológica e geotécnica de seções transversais, classificação da massa rochosa, análise de estabilidade da encosta, relatório geológico e geotécnico, gerenciamento de contratos).

Engenheiro de Minas pela UFOP, Mestrando em Geotecnia pela UFOP, Especialista em Recursos Minerais. Pós-graduado em Engenharia de Segurança do Trabalho pela FACAM. Pós-graduado em Master em Engenharia em Geotecnia pela PUC/MG. Experiência em atividades do Setor de Rochas Ornamentais e de Segurança de Barragens.

Investimento

1º Lote - Finaliza dia 18/06/2020

R$ 1.790,00

a vista no boleto ou em até 10x de R$ 195,00

2º Lote - Finaliza dia 01/07/2020

R$ 2.100,00

a vista no boleto ou em até 10x de R$ 225,00

Com a palavra, nossos clientes

Instituto Minere vem se destacando como importante formador de mão-de-obra especializada em mineração, preenchendo uma lacuna deixada pelas universidades na formação técnica tão preciosa às mineradoras.

Mario Trota

Geólogo Consultor em Exploração Mineral

As mídias do IM compartilham conteúdos muito interessantes e que agregam alto valor ao nosso conhecimento. A política de desconto a ex-alunos e a acessibilidade aos responsáveis complementam os benefícios. Parabéns!

Diego de Arvelos Nicolau

Engenheiro Geólogo - KINROSS

O IM nos concede uma ótima oportunidade de estarmos atualizados e sermos profissionais cada vez mais preparados para enfrentar os desafios do mundo moderno. Parabéns ao IM por trabalhar em prol do desenvolvimento da atividade mineradora!

Leonardo Souza

Consultor - CLGeo Soluções em Geologia e Mineração

© Instituto Minere

by nerit