Quais são as fases da pesquisa mineral?

por Marcela Tainã em 03/Dec/2019
Quais são as fases da pesquisa mineral?

Sabemos que o negócio mineração apresenta particularidades inerentes, sendo elas:

  • Alto risco na fase de exploração;
  • Longo prazo de retorno do Investimento;
  • Investimentos elevados;
  • Rigidez locacional: As jazidas estão onde estão. Diferentes de outros negócios que podem ser migrados conforme interesse.

Diante disso, a pesquisa mineral deve ser feita em fases e ao se encerrar cada fase é tomada a decisão de seguir ou não com o empreendimento. Essa organização em fases subsequentes/interdependentes incorre em geral em um aumento crescente de detalhamento e redução gradativa dos riscos envolvidos, à medida que do maior conhecimento da geologia e dos fatores modificadores. A decisão de seguir ou não com o empreendimento é apoiada por decisões que se baseiam em aspectos técnico-econômicos, ou avaliação de viabilidade técnico-econômica.

As grandes fases da Pesquisa Mineral são:

  • Análise e Prospecção Regional;
  • Geração e Pesquisa de Alvos;
  • Avaliação de Recursos:
  • Estudos de Viabilidade Econômica (Feasibility Studies);

A análise regional consiste no levantamento de informações disponíveis, avaliação dos macro ambientes e suas peculiaridades se comparando com os modelos geológicos já conhecidos, buscando selecionar áreas disponíveis com potencial de ocorrência de um dado bem mineral de interesse, aliado aos primeiros trabalhos de reconhecimento de campo.

Na fase de definição de alvos, detalhamento dos mesmos, já se parte de um detalhamento maior nos limites do setor regional selecionado previamente, já se aplicando os métodos de exploração como geoquímica superficial, métodos geofísicos (aerotransportados e terrestres) e sondagem exploratória, subsidiado por mapeamento geológico em escala de semi-detalhe.

As etapas subsequentes, já com um conhecimento maior dos alvos avaliados já envolve mapeamento de detalhe, sondagem de semi-detalhe e detalhe, entendimento do modelo geológico e claro já abordando suas particularidades, detalhamento estrutural do jazimento e elementos de controle, partindo-se em seguida para a parte de modelagem geológica, elementos importantes para a fase de avaliação do jazimento onde há duas etapas subsequentes:

  • Avaliação de Recursos: ocorre a delimitação da extensão da mineralização (geometria do corpo de minério, teores e tonelagens);
  • Avaliação de Reservas: avaliação de questões tecnológicas relativas a lavra e beneficiamento do minério, equacionamento de questões econômicas relativas à comercialização dos produtos, logística, impactos sociais e ambientais da mineração.

Marcela Tainã

Membro do Australian Institute of Geoscientists AIG. Bacharel em Geologia (USP), é especialista em Amostragem, QA/QC e Avaliação de Recursos. Participou como CP/ QP e implementação de programas de QA/QC (Quality Assurance and Quality Control) em projetos de grandes players nacionais. Vasta experiência também em modelamento geológico e Geometalurgia.

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

© Instituto Minere

by nerit