Modelo hidrogeológico de rebaixamento de lençol freático na mineração

por Instituto Minere em 20/Apr/2022
Modelo hidrogeológico de rebaixamento de lençol freático na mineração

Os processos de rebaixamento do lençol freático e controle das águas na mineração são essenciais em muitos casos. Os estudos e modelos devem ser desenvolvidos para a viabilidade do empreendimento e controlar ao máximo os impactos ao meio ambiente.

Nas grandes e médias cavas de mineração esta atividade tem um potencial considerável de geração de impactos, gerando problemas de gestão de difícil solução. Por isso é necessário um bom controle ambiental e dos recursos hídricos que atendem a rigorosos procedimentos legais para regulamentam a atividade de mineração, através da Outorga e Licenciamento do Rebaixamento do Nível d’água.

Aqui, nós iremos colocar um passo a passo para a modelagem hidrogeológica de rebaixamento de lençol freático. Siga o fio:

Definindo o modelo hidrogeológico

Na mineração o deposito mineral deve ter sua geologia muito bem detalhada, em escalas de 1:5000 a 1:2000, com seções geológicas verticais e horizontais. No entorno da mina a escala de detalhamento é menor podendo estar entre as escalas de 1:25.000 e 1:250.000.

Estudo da gênese da jazida

O estudo da gênese da jazida na fase de pesquisa mineral fornece subsídios de alta relevância na constituição do modelo hidrogeológico de um deposito mineral, pois as mineralizações ocorrentes podem influenciar o comportamento hidrogeológico dos aquíferos, criando compartimentações importantes.

Análise dos dados meteorológicos

A análise dos dados meteorológicos principalmente pluviometria, evaporação, temperatura do ar, bem como os dados fluviométricos regionais são de fundamental importância na definição do modelo hidrogeológico preliminar.

Inventário sistemático das surgências

Além disso se faz necessário a realização de um inventário sistemático de todas as surgências de água subterrâneas, sumidoros, lagoas naturais, barramentos existentes, poços tubulares, poços escavados, poços de monitoramento, piezômetros, contidas nas sub-bacias do entorno do empreendimento contemplando aspectos técnicos e sócio-culturais.

Área de influência do empreendimento

A delimitação da área a ser inventariada deve contemplar aspectos técnicos, tais como a extensão dos aquíferos, que potencialmente podem ser afetados pelo rebaixamento do nível d’água, além dos aspectos sócio-culturais. E por último um programa de monitoramento deve ser implantado.

Modelamento

A partir de todos os dados coletados, inventário dos pontos d’água e monitoramento de pelo menos um ciclo hidrológico, torna-se possível a elaboração do modelo hidrológico da mina. A dinâmica do fluxo das águas superficiais e como elas interagem com as águas subterrâneas, se faz necessário para uma representação mais realista dos fenômenos que acontecem em um sistema hidrogeológico.

O modelo hidrogeológico é que deverá fornecer as condições de contorno para o modelamento numérico do aquífero, fundamental à elaboração do projeto de rebaixamento e a predição dos possíveis impactos sobre os recursos hídricos. Este modelamento numérico do fluxo d’água subterrânea possibilita o prognostico do sistema de rebaixamento, bem como o seu planejamento ao longo da vida da mina e na fase de descomissionamento até a recuperação dos níveis d’água dos aquíferos.

Quer aprender na prática como se faz?

Gostou deste tema? Gostaria de atuar nesta área? Há uma grande demanda de profissionais capacitados para desenvolverem todos os estudos necessários ao rebaixamento de lençol freático.

Quem tiver o interesse em desenvolver capacidades para entrar neste mercado, no Instituto Minere temos um curso prático, com aulas presenciais onde os alunos colocam as mãos na massa no desenvolvimento de modelos e estudos hidrogeológicos que ainda tem uma visita técnica em uma mina subterrânea para ver na prática como funciona.

A próxima turma será realizada em maio, confira o programa completo no site 

 

Instituto Minere

Somos uma escola especializada em desenvolvimento profissional e tecnológico. Aqui você vai poder aprender com quem é referência e com foco no uso prático das ferramentas de suporte à mineração, geologia, meio ambiente, geotecnia e barragens. Estamos aqui para mudar o panorama do ensino profissional no Brasil.

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

© Instituto Minere

by nerit