QA/QC e a relação da Table 1 do JORC

por Marcela Tainã em 04/Apr/2019
QA/QC e a relação da Table 1 do JORC

QA e QC são dois conceitos que quando utilizados combinados asseguram a qualidade do resultado. O QA é orientativo para se evitar erros. O QC é ativo, são ferramentas estatísticas que são usadas para corrigir e melhorar processos. Ou seja, dois conceitos que podem ser aplicados em qualquer processo.

Na mineração a abordagem mais comum do QAQC é na preparação física e nas análises químicas. A Table 1 do JORC (Joint Ore Reserves Committee) solicita ao autor dissertar sobre esses tópicos nos seguintes itens:

  • Section 1 Sampling Techniques and Data

o   Sub-sampling techniques and sample preparation

o   Quality of assay data and laboratory tests

No subitem o “Sub-sampling techniques and sample preparation” um dos aspectos importantes a serem discutidos são os procedimentos de controle de qualidade adotados para maximizar a representatividade das amostras, ou seja, processos de homogeneização e divisão de amostras. A ferramenta de controle utilizada nessa fase é a duplicata.          

No subitem “Quality of assay data and laboratory tests” aspectos importantes a serem discutidos são os procedimentos de controle de qualidade adotados (por exemplo, padrões, branco, duplicadas, check assay), quais foram as precisões encontradas e quais os níveis de exatidão.

O entendimento mais disseminado do QA/QC na mineração se resumi a inserção de ferramentas de controle analíticas (brancos, padrões, duplicatas...). Porém quando traduzido conceitualmente, o QA e o QC,  é possível verificar que a Table 1 sempre te leva a refletir sobre como algo foi feito, como foi controlado e qual a precisão encontrada. Diante disso, podemos dizer que a Table 1 sempre te pede o QA e o QC de todos os processos envolvidos na certificação de Recurso e Reservas. 

 

Marcela Tainã

Chartered Profession of Geology, membro do Australian Institute of Geoscientists AIG. Bacharel em Geologia (USP), é especialista em Amostragem, QA/QC e Avaliação de Recursos. Participou como CP/ QP e implementação de programas de QA/QC (Quality Assurance and Quality Control) em projetos de grandes players nacionais. Vasta experiência também em modelamento geológico e Geometalurgia.

Deixe seu Comentário

Você também pode se interessar

© Instituto Minere

by nerit